quinta-feira, 1 de abril de 2010

Carta de uma mãe a Câmara

Soledade 31 de Março de 2010

Excelentíssimo Presidente da Câmara Municipal de Apodi, João Evangelista e Menezes Filho, e demais Vereadores que compõem esta honrosa casa do povo, venho através desta carta feita a punho e depois digitada, tentar abrir os olhos dos senhores Vereadores e do Poder Executivo Municipal, com relação ao esporte desta cidade. Sou uma mãe e como toda mãe, se preocupa com o futuro dos seus filhos. Tenho um filho de 17 anos que terminou recentemente o ensino médio no ano passado, prestou vestibular, porém não obteve êxito.
Desde os 15 anos de idade que ele está participando da escolinha de futebol na cidade vizinha de Felipe Guerra, e recentemente ele foi selecionado para disputar o campeonato estadual sub-17 pela equipe da cidade de Francisco Dantas, ele foi até lá fez o testes e mais teste junto aos profissionais que dirigem a equipe, passou em todos e já está escalado para jogar na estréia da competição, no dia 18 de abril em Mossoró contra o potiguar.

Diante dos fatos expostos as Vossas Excelências, eu pergunto: Onde estão os governantes desta cidade que não fazem nada para incentivar esses jovens na área esportiva? Já que este é o desejo deles. Sugiro aos Vereadores que elaborem um projeto que venha fortalecer o desporto local, que haja incentivo aos profissionais qualificados de nossa cidade, para que aqui em nossa terra se forme estes meninos, que os prepare para um futuro mais promissor no mundo da bola.

Cobro dessa forma Vereadores porque o meu filho, ao invés de está disputando esse campeonato pela cidade de Apodi, por uma equipe que tivesse respaldo da iniciativa pública e privada, teve que ostentar este sonho em uma cidade distante mais de 100 km da nossa.

Pergunto: Será porque ele não joga muito? Será que é porque não é filho de papai? Vejam bem Senhores Vereadores, não seu se ele joga muito ou não, pois opinião de uma mãe com relação a seu filho é sempre duvidosa, mas vamos levar em consideração quem encaminhou ele para lá, no caso para Francisco Dantas, é porque viu nele algum mérito, algum futuro, pois se não tivesse será que o treinador e a pessoa que bancou tudo iria investir dessa forma? Vale lembrar que lá o município juntamente com algumas pessoas é quem banca a equipe. Deixo aqui o meu apelo de mãe e todas estas indagações para que vocês me tragam as respostas.

Gostaria que vocês avaliassem o que foi relatado nesta carta, que olhassem mais para os jovens desportistas desta cidade e principalmente para os que são coerentes, que gostam do que fazem, que tem talento e estão desperdiçando, porque não existem autoridades que olhem com mais cuidado para estes jovens, pois não sou a única mãe desta cidade que se encontra nessa situação, existem dezenas de outras que também tem seus filhos, e que tem muito talento, mas para que este talento seja desenvolvido é preciso que pessoas de outras cidades, busquem nossos filhos, porque em nossa cidade infelizmente não existem políticos que desenvolvam um projeto para trabalhar e moldar estes talento adormecidos de nossa cidade.

Maria Auxiliadora da Costa Targino
Conjunto Novo – Distrito de Soledade – Apodi

Nota do Blog: Os Vereadores agradecem e entendem a agonia desta mãe que só quer o melhor para seus filhos, e em breve em respeito a mesma estaremos trazendo respostas a mesma.

Blog: Vereadores em Ação.

4 comentários:

  1. Josenias,

    Você e essa mãe, é da oposição quer mais vote em Kelps...

    ResponderExcluir
  2. não vejo pelo lado politico,pois não sou alienado nem tão pouco cego,porem dizer que essa denuncia é infundada ou partidarista é uma burrice,afinal amigo o que a nossa prefeita esta fazendo para encentivar a pratica do esporte em nossa cidade ,livrando os jovens das drogas?votei nela porem nada tenho para defendela.

    ResponderExcluir
  3. apodi estar abandonado,inclusive nois que votamos na prefeita,de cabeça baixa,sem termos o que mostrar de positivo dessa administração,do esporte a educação,do lixo a merenda escolar ,afinal temos prefeita.

    ResponderExcluir
  4. apodi precisa de mais criticas construtivas9 de abril de 2010 23:39

    tambem não vejo por onde fazer uma defesa pro gorete a nivel administrativo,e nesse caso o esporte de apodi,da pratica esportiva diaria que proporcionaria aos jovens uma janela antidroga é inesistente,será que esse defensor da mesma não é apenas um cidadão que mesmo sendo prejudicado,não tem a capacidade crítica de enxergar a falta da presença do executivo apodiense?

    ResponderExcluir